SÓ GENTE FIXE:

pedacinhos de amor

26 de outubro de 2010

Carta para a pessoa que mais partiu o teu coração


Dizer que me partiste o coração é pouco, espezinhaste-o e deixaste-o em cacos! Não esqueço das vezes em que passaste por mim e não me falaste, que fingias que não existia, ou mesmo das vezes em que não te lembraste de mim. Conseguiste transformar-me numa pessoa completamente diferente, triste e solitária, que apenas tinha um objectivo: ter-te. Hoje as coisas são diferentes, com muito empenho e com ajuda de outras pessoas, voltei a juntar e a colar todos os cacos do meu coração e a ser feliz. Foste uma fase muito importante da minha vida, disso não duvido, fizeste-me crescer, e fizeste-me ver a vida de uma forma diferente, mas não sei se te devo agradecer por isso, porque aprendi das piores maneiras possíveis.

5 comentários:

joey disse...

quem mais ajudamos é também quem mais nos desaponta e desfaz o coração.

joey disse...

é mesmo, porque depois de uma recuperação que no início nos parece impossível, nunca mais somos as mesmas.

- joanarocha disse...

amei !

joey disse...

exacto, elas não se vão, ficam!

joey disse...

nunca mesmo, é como a história do lápis, podemos escrever a carvão e apagar com a borracha, mas se, observarmos bem, a sua marca fica lá sempre! e tudo porque ñ há borrachas capazes de apagar tudo, tal como não há pessoas capaz disso.